Henry de Montherlant

Declaração de Amor / Autores

Vivam os meus inimigos

Vivam os meus inimigos! Eles, ao menos, não me podem trair.